HISTÓRIAS QUE INSPIRAM #2 FIRMINO RIBEIRO

HISTÓRIAS QUE INSPIRAM #2 FIRMINO RIBEIRO

Uma das histórias que nos inspira é a do Firmino. Pela coragem de trocar a zona de conforto, pela dedicação e, acima de tudo, pela união e lealdade aos amigos.

Fomos conhecer a história do Campeão Nacional de Barba e partilhamos contigo o Episódio #2 das Histórias que nos Inspiram.

Como apareceu a Barbearia na tua vida?

Somos 5 irmãos, 3 deles mais novos do que eu e seguiram a carreira militar. O mais velho dos 3 esteve 7 anos na tropa e antes de sair disse-nos que estava a pensar em fazer um curso e decidiu-se pela barbearia. Desafiou-me também a mim. Porque não fazermos os dois?! Eu durante 20 anos fui cortador de carnes. Mesmo quando acabei o curso de barbearia, continuei a trabalhar. Só quando cheguei à final do primeiro concurso é que decidi dedicar-me apenas à barberia.

Este ano foste Campeão da Barba! Como foi o teu percurso até aqui?
Tirei o meu curso na ACP e em 2018 inscrevi-me para a minha primeira competição. Fui com um único objetivo: aprender! Sabia que íam estar lá vários profissionais que eu seguia e era uma grande oportunidade para eu aprender e trocar algumas experiências com pessoas que já tinham anos disto. Fui passando, prova após prova. Quando fui apurado para a final teve gosto a prémio. É essencial perceberes que tens de apostar na formação.


Como foi a decisão de deixar a área em que trabalhaste durante 20 anos para te dedicares à Barbearia?

Eu fazia o turno da tarde, trabalhava das 15h às 24h e quando saía ía cortar cabelo a 1 ou 2 amigos. Tive muito pouco tempo para a minha família mas tive sempre o apoio da minha mulher. Eu quando iniciei cortava muitos cabelos sem cobrar, para ganhar experiência. Inicialmente quem me ajudava eram os meus amigos que me davam a cabeça deles para eu errar e aprender. Felizmente hoje tenho alguns clientes que vêm comigo de outras barbearias e agradeço-lhes sempre que os vejo.

E agora confessa-nos... Barba ou Cabelo?
A barba foi a minha aposta. Ser campeão da barba também tem trazido mais gente à procura da barbearia e do meu trabalho. Além disso, também tenho barba e também sou picuinhas com a minha barba, por isso, compreendo os homens neste aspeto.

 

Qual é o conselho que dás aos teus clientes para uma barba incrível?

Apostar em cosméticos de qualidade.. um óleo e uma pomada que além de hidratarem a barba, cuidem também da pele e visitarem regularmente o barbeiro para manterem um aspeto saudável e não terem um aspeto de desmazelo. 


Notas uma maior preocupação do homem com a própria imagem?
Sim, muito. Cada vez têm mais preocupação. Desde os mais novos aos mais velhos. Tenho pessoas com mais de 50 anos a pedirem-nos cortes muito irreverentes. O fade ainda tem uma percentagem grande de pedidos, mas já temos muitos clientes a pedirem cortes em degradê mais baixos, com mais tesoura e mais preocupação com os encaixes do cabelo. E notamos muito esta preocupação com a imagem na regularidade com que vão à barbearia. Temos muitos clientes semanais e quinzenais.


Qual foi o pedido mais estranho que já te fizeram?
Eu trabalhei numa barbearia no centro do Porto e lembro-me de um cliente alemão que me pediu um corte que nunca tinha feito e na altura muito estranho... mas eu gosto de fazer cortes diferentes.

 


A Doc.Roque já é um ponto de paragem?
Costumo dizer que entram clientes e saem amigos! Temos vários clientes que passam aqui, tomam café connosco ou passam para nos cumprimentar. E também noto que como temos clientes regulares, muitos deles tornam-se amigos porque da próxima vez que cá vierem provavelmente vão estar com a mesma pessoa que estava cá da última vez.

 

Em quem te inspiras?
Na minha família, sobretudo. Somos muito unidos, todos. A minha mulher, as minhas filhas, os meus irmãos e o meu indispensável primo, Nuno Braga. Eles são a minha força. Somos "La Família". Para onde vou, nunca vou sozinho. E claro, noutros profissionais que vou conhecendo e com quem vou trocando conhecimentos.

 

Qual é o conselho que deixas para quem está a iniciar-se?
Eu costumo dizer que ainda estou no início e, por isso, é essencial apostar na formação. Vais ganhar conhecimentos, vais conhecer outras pessoas. Apostem em vários estilos, não se foquem só num ou só naqueles que mais gostam. Trabalhem muito.

 

O que vem aí?

Vêm aí surpresas! Ainda tenho um caminho longo a percorrer e vem por aí muita coisa!



Firmino @ Stand Incla Cosmética, Exponor

E o que dizem os clientes do Firmino?

Mário Silva @ Amigo e cliente do Firmino há 15 anos
O que posso dizer do Firmino? Sou amigo dele há mais ou menos 15 anos. Lembro-me de quando ele era cortador de carnes verdes mas seria como Barbeiro que ele atingiria com sucesso a profissão. É exemplar como amigo e como barbeiro e as provas falam por si. Campeão Nacional de Barba! Aconselho seriamente a visitarem o espaço e depois confirmarem as minhas afirmações. Desejo-te os maiores sucessos pessoas e profissionais. Grande abraço deste teu cliente e amigo.

Raúl Silva @ Amigo e cliente do Firmino há 2 anos
Bom, em 1º lugar um camarada de excelência e uma máquina a nível profissional. As conquistas falam por si. Conheci o Firmino há pouco mais de 2 anos através de um amigo, logo nos tornamos colegas...amigos. Amigo, que continues com essas conquistas e muito sucesso, máquina.

CONTACTOS 

Doc.Roque
Rua Sao Roque da Lameira,  nº 754. Porto
Atendimento por marcação.

Segue o Firmino nas redes sociais:
Instagram: @firmino.ribeiro
Facebook: @Firminobarber

 

Comentários

Powered by ProofFactor - Social Proof Notifications